Aeroporto de Guarulhos é eleito o pior aeroporto do mundo

0

O site Wall St. Cheat Sheet, dedicado a análises financeiras, fez uma lista com os piores aeroportos do mundo, sugerindo aos seus leitores evitá-los se possível. O maior aeroporto brasileiro, o de Guarulhos, garantiu o primeiro lugar pelas longas filas de imigração, mudanças de portão de embarque sem aviso, preços altos de comidas e bebidas, quantidade insuficiente de funcionários e taxa de pontualidade baixa (só 59% dos voos chegam no horário, segundo a Forbes). A lista do Cheat Sheet não poupa muitos grandes aeroportos do mundo, como o Heathrow de Londres e o John F. Kennedy de Nova York. Confira abaixo a lista:

1 – Aeroporto Internacional de Guarulhos: Longas filas de imigração, preços altos de comidas e bebidas, quantidade insuficiente de horários e baixa taxa de pontualidade.

2 – Chicago Midway International: O aeroporto de Chicago é o pior nos Estados Unidos quando o assunto é pontualidade. O Cheat Sheet cita a Frommer’s, que escreveu que “o aeroporto até tem nova praça de alimentação e metrô levando direto ao centro de Chicago, mas ninguém quer ficar preso num aeroporto”.

3 – John F. Kennedy International: O aeroporto de Nova York foi eleito o mais feio do mundo pela “Travel + Leisure” por receber os turistas com corredores acinzentados e escadarias.

4 – N’Djamena International: O aeroporto de Chade tem insetos por todo o canto. Uma razão mais do que suficiente para entrar em uma lista de piores do mundo.

5 – Paris Beauvais Tille: O aeroporto francês entra na lista pela falta de serviços básicos, como poltronas, e um ambiente que mais lembra um armazém do que um terminal de passageiros. O aeroporto fecha à noite e não é ligado ao Centro da cidade por metrô.

6 – London Heathrow: Também entrou na lista dos aeroportos mais feios do mundo na lista da “Travel + Leisure” por parecer a junção de “quatro shoppings em um”.

7 – La Guardia: O aeroporto de Nova York peca quando o quesito é o deslocamento até o Centro da cidade. Um ônibus lento é a única opção de transporte público além dos táxis. Os celulares não pegam direito lá, a área de check-in é pequena e a limpeza também é ruim.

8 – Ninoy Aquino International: O aeroporto filipino tem filas longas, espaço apertado e frequentemente os funcionários fazem greves gerando ainda mais confusão por lá.

9 – Jomo Kenyatta International: Em Nairóbi, o aeroporto foi projetado para 2,5 milhões de passageiros, mas recebe o dobro disso. Em 2005, o governo federal anunciou uma expansão que até hoje não foi inaugurada.

10. Tribhuvan International: O aeroporto de Katmandu, no Nepal, tem problemas climáticos constantes, além de ser sujo e bagunçado.

Fonte: O Globo

{jcomments on}

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA