Quem anda com vândalo, vândalo é

0

Em todas as manifestações dessa gente há atuação prioritária de vândalos.
Já disse e repito o ditado popular: “Dize-me com quem andas e te direi quem és”.
Quem anda com vândalo,  vândalo é. Quem anda com bandido, bandido é.
Simples assim.
Todos esses hipócritas são bandidos em busca de liberdade para fazer baderna na via pública e depredações do patrimônio público e privado com o objetivo de intimidar a sociedade ordeira e manter o status da degradação física e moral produzida pela esquerda no Brasil.
Cadeia e repressão para todos, em particular para esses que usam seus cargos para defender a baderna.
A Polícia tem que ter a missão como farol e aplicar a violência legal em proporção intimidadora. Todos sabem o que é certo e o que é errado. Quem se propõe a protestar deve conhecer os limites da liberdade para faze-lo, bem como as consequências da ultrapassagem desses limites. Não pode haver leniência, diálogo ou negociação de procedimentos com essa gente.
O Comando da PMDF tem que ser intransigente e inflexível na defesa da sua força e da sua exclusiva competência para lidar com esse tipo de ocorrências. Não será nenhuma deputada ou dirigente sindical de segunda categoria que irá ensinar à PM o seu ofício.
Não aceito a possibilidade de o Cmt Geral admitir ser “ensinado” em seu ofício por um bando de baderneiros travestidos de manifestantes e de defensores da democracia.
Politicamente correto é ser SEMPRE mais violento que os violentos.
Estive em várias manifestações, levei minha família,  aí incluídos os meus netos, e nunca vi a presença policial como uma ameaça à minha liberdade de protestar, mas,  pelo contrário,  uma garantia de segurança pessoal e do meu direito.
Só os cafajestes e os bandidos têm medo da Polícia!
General do Exército Brasileiro Paulo Chagas.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA