NotíciasPandemia

Ministério da Saúde da Eslováquia aprova uso de Ivermectina no tratamento contra covid-19

Compartilhe nas redes sociais

PorThaís Garcia

Fonte : Conexão Política

Os médicos na Eslováquia passaram a contar com o uso da Ivermectina na luta contra a Covid-19. O Ministro da Saúde da Eslováquia, Marek Krajčí, concedeu uma licença para o medicamento não registrado para o uso terapêutico, até o momento, por um período de meio ano.

m 26 de janeiro, o Ministério da Saúde da República Eslovaca recebeu uma solicitação do especialista-chefe em Infectologia do Ministério da Saúde eslovaco, prof. Ivan Schréter, para a autorização do grupo do medicamento não registado Ivermectina para as necessidades de instalações médicas na República Eslovaca. O Ministério da Saúde concedeu essa licença para uso terapêutico do medicamento por um período de 6 meses. A licença é válida para instalações hospitalares e clínicas. A principal indicação da ivermectina é a profilaxia e o tratamento de pacientes com coronavírus. Além dos hospitais, o remédio também estará disponível em farmácias de prescrição.

Segundo o Ministério da Saúde da República Eslovaca, a ivermectina é um antiparasitário que também possui propriedades antivirais e anti-inflamatórias muito fortes na covid-19. Isso é corroborado por um número crescente de estudos que apontam para sua eficácia não apenas em modelos in vitro e animais, mas também em muitas aplicações clínicas de centros e países ao redor do mundo, diz o Ministério.

A Ivermectina já foi registrada em vários países, como França, EUA, Suécia e Noruega, de acordo com o governo eslovaco.

Segundo Zuzana Eliášová, porta-voz do Ministério da Saúde da República Eslovaca, em 19 de fevereiro, milhares de doses do medicamento começaram a chegar à Eslováquia. As entregas acontecem gradualmente.

Parte será distribuída para farmácias hospitalares e parte para farmácias públicas. O medicamento só pode ser obtido mediante receita médica.

“Na Eslováquia, respondemos rapidamente com base nas recomendações dos principais especialistas em áreas médicas individuais, já que não apenas a eficácia, mas também a segurança do paciente é nossa prioridade número um”, disse o ministro da Saúde.

Colchicina, Isoprinosina, Inomed e Dexametasona também estão sendo usados ​​na Eslováquia para tratar a covid-19.

“O Ministério continua solicitando doses adicionais de remédios e reabastecendo seus estoques de acordo com a disponibilidade de medicamentos no mercado mundial”, concluiu a porta-voz.

APROXIMA-SE O PONTO DE RUPTURA
UN ANALISIS ESTRATÉGICO DEL VACUNA-GATE

Notícias

Cultura

Editorial

Menu