O Google está de olho em você

A empresa sabe onde você esteve e para onde gostaria de ir

0

Privacidade hoje é um luxo. E se você tem um celular Android saiba de uma coisa o Google está de olho em você. Sei que isso pode soar meio como teoria da conspiração, afinal de contas, por que a multinacional da internet vai se interessar pela vida de simples mortais. Na verdade, eles não estão interessados especificamente em você especificamente, mas nos dados relacionados a todos os habitantes do planeta que usam seus serviços.

A lógica é simples quando Google registra seus padrões de navegação, o tipo de conteúdo que você visualiza e o tipo de compra que realiza pode direcionar publicidade e conteúdo de forma eficiente, fazendo que seus anúncios sejam mais eficazes e fidelizando seus anunciantes. Mas a coisa pode, e vai, muito além. Já notou que quando pesquisa alguma coisa no Google você começa a receber mensagens de sites e empresas relacionadas aquela pesquisa. Ou seja, as ferramentas do Google tentam, de certa forma, “adivinhar” suas preferências e necessidades e aproveitando estas informações para fazer negócios. E o melhor de tudo é que quando concordamos com aqueles termos de uso abrimos as portas para que tudo seja feito de forma legal.

Mas uma coisa que pouca gente se lembra é que além de mapear sua mente a empresa também está monitorando os locais que você frequenta. Aliás monitorando todos os seus passos, sempre que se locomove com um celular equipado com Android. E o melhor de tudo é que este fato não é sigiloso ou secreto, cada usuário concordou com isso e pode até ver como anda seu monitoramento.

Quer ver os registros de sua localização?

Então siga os passos:

1. Abra o aplicativo do Google Maps;

Tela Inicial do Google Maps

2. Toque nas três linhas no canto superior esquerdo para acessar o menu;

Clique em configurações

3. Localize “Configurações” e toque em “Histórico do Maps”;

Clique em Histórico do Maps

O aplicativo te dá a opção de apagar os dados de localização. Meu questionamento é se estes dados são realmente apagados ou apenas não ficam mais acessíveis aos usuários. Não temos como saber. Não tenho dúvidas que o Google, oficialmente, sempre vai afirmar que todos os nossos dados estão protegidos, guardados e nunca serão usados contra nós. Mas eles estão lá.

De posse de todas estas informações onde fica a privacidade? Não temos certeza de como a empresa faz uso destes dados, ou se governos ou outras organizações podem, de alguma forma, ter acesso a estas informações de forma sigilosa. A massa de informações disponíveis sobre cada cidadão é algo inimaginável, algo com que a maioria dos ditadores do século XX podiam apenas sonhar. Como diziam nos episódios do Chapolim: Quem poderá nos defender?

Por: Luiz Fernando Ramos Aguiar

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.