Polícia começa a testar câmeras acopladas em armas

0

Câmeras corporal, foram implementadas em vários departamentos para reforçar a confiança com a comunidade nas ações da polícia.

Mas alguns policiais e especialistas criticaram a tecnologia, dizendo que a linha de visão de um policial é facilmente bloqueada. Logo, pode haver um ponto de vista diferente – do cano da arma do policial.

De acordo com a CNBC, a Centinel Solutions desenvolveu uma câmera para armas que fornecerá uma melhor perspectiva para vídeos policiais.

“Sua câmera de corpo típica inicia a gravar 30 segundos depois de você apertar o botão de gravação … em uma situação que envolva troca de tiros com o policial, você pode verificar se houve uma ameaça, e a prioridade não vai ligar a câmera do corpo, “CEO Max Kramer disse à Fox Business.

Kramer disse que a empresa queria construir um sistema melhorado, tendo criando a câmera depois de várias conversas com policiais.

“Falamos com as associações de polícia e todos eles diziam: ‘é disso que precisávamos’ … com uma câmera de corpo, fica a pergunta de quando você deve gravar, ou não gravar, o que é privacidade, e o que não é privacidade? Nesse caso você tem como explicar ‘eu puxei minha arma porque havia uma ameaça, por isso saquei a arma”, disse o chefe de polícia de Petersburgo, Anthony Holloway, à Fox.

A câmera é montada sob o cano da arma e começa a filmar quando o policial saca sua arma. Conectada com um aplicativo para celular, a câmera envia um alerta de volta para a central que informa ao departamento de localização do agente.

Holloway disse que seu departamento, que está testando a tecnologia, gosta do alerta de localização porque permite que os departamentos enviem apoio mais rápido.

“Eles têm um recurso extra que quando você saca sua arma, ele envia um alerta para os supervisores e outros agentes que a arma foi sacada, de modos que que eles saibam você precisa de ajuda”, disse Holloway.

Os dispositivos são construídos com sistema de segurança e controles de acidentes também.

“Um coordenador ou supervisor de serviço será notificado do status da bateria … se o dispositivo foi retirado do estojo ou se alguém estiver tentando desativá-lo”, disse Kramer.

A câmera se encaixa a maioria dos coldres para armas e o software segue protocolo de segurança para acesso e registro arquivos.

A câmera para arma está sendo testada em departamentos selecionados em conjunto com câmeras de corpo. Os dispositivos serão lançados em breve para sentem utilizadas por equipe de policiamento ostensivo e os departamentos desenvolverão políticas sobre o armazenamento de filmagens, informou a CNBC.

FONTE: Police One

Tradução: Robson Magalhães

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA